Diferenças entre plataformas de e-commerce. Conheça quais as principais diferenças entre as diversas plataformas de e-commerce
As diferenças entre plataformas de e-commerce

As diferenças entre plataformas de e-commerce

Diferenças entre plataformas de e-commerce. Conheça quais as principais diferenças entre as diversas plataformas de e-commerce
As principais diferenças entre plataformas de e-commerce

Saber identificar as diferenças entre plataformas de e-commerce é muito importante para que você possa adequar o seu projeto de e-commerce às necessidades específicas do seu negócio.

Para o leigo, os sistemas de comércio eletrônico, em uma primeira visão, podem parecer todos iguais, mas na verdade não é bem assim.

Existem algumas diferenças entre plataformas de e-commerce que podem determinar o sucesso ou o fracasso de um empreendimento, que muitas vezes passam desapercebidas.

Plataformas de e-commerce Open Source

As plataformas de e-commerce open source são sistemas de comércio eletrônico desenvolvidos por comunidades de programadores ou empresas de fomento, que disponibilizam o código fonte para download gratuito, de forma que qualquer pessoa ou empresa pode utilizar o sistemas para a criação de uma loja virtual.

Este é o caso da plataforma Magento, um dos sistemas mais usados atualmente neste segmento de sistemas. O problema com este tipo de solução é que por se tratarem de sistemas sofisticados, você precisará de um bom programador para sua instalação e manutenção, ou então, optar pela contratação de uma empresa especializada neste tipo de serviço.

Outra questão a ser analisada na adoção de uma solução de código aberto, é a questão dos sistemas acessórios como hospedagem da loja

Outro detalhe, é que toda a sustentação do Ecommerce (Hospedagem, Certificados de Segurança, Gateways de Pagamento, atualizações e etc) fica por conta da empresa que optou por essa tecnologia.

A grande vantagem da OpenSource, sem dúvida é o custo, que no caso, é zero e o alto poder de customização. Só para se ter idéia, já implementamos soluções de Marketplaces com plataformas OpenSource.

Plataformas de e-commerce SaaS

As plataformas de e-commerce no modelo SaaS – Software As A Service, também conhecidas como lojas virtuais alugadas, são sistemas de comércio eletrônico que você pode contratar na forma de um aluguel pelo uso do sistema.

A grande vantagem das plataformas SaaS é a terceirização da TI. Como a responsabilidade sobre o funcionamento e atualização do sistema é do fornecedor, o empresário que aluga essa plataforma não precisa se preocupar com questões técnicas. Isso é por si só uma grande vantagem, pois em um mercado com uma grande carência de mão de obra, encontrar um bom programador para cuidar da sua loja virtual é um verdadeiro desafio.

Na maioria dos casos, também é necessária a contratação de uma agência de ecommerce para a implantação, customização e evolução da plataforma. Algumas até oferecem modelos de layouts padrões, porém o ideal é que se contrate uma empresa especialista em projetos de Ecommerce.

O modelo comercial, pode variar de acordo com as empresas, algumas cobram uma taxa sobre as vendas, outras uma mensalidade de acordo com a quantidade de acessos e até mesmo a quantidade de produtos da loja.

Em função da sua praticidade, as lojas virtuais alugadas foram apontadas como as preferidas do empresariado brasileiro em nossa pesquisa sobre plataformas de e-commerce.

Plataformas de e-commerce exclusivas

As plataforma de e-commerce personalizadas, é um modelo muito mais agressivo em relação ao investimento. Nesse caso, é possível desenvolver uma plataforma com todos os requisitos do cliente, podendo adequar cada funcionalidade a demanda específica do cliente.

O maior problema, é que projetos nesse modelo costumam ser caros, muito caros. Portanto, o uso de plataformas de e-commerce exclusivas é indicado somente para grandes empresas que possuam regras de negócio muito específicas ou então no caso de projetos que não encontrem solução em outros sistemas disponíveis no mercado.

Agora que você já sabe quais são as principais diferenças entre plataformas de e-commerce, pode planejar o seu projeto com mais segurança.

GD Star Rating
loading...
Diferenças entre plataformas de e-commerce, 10.0 out of 10 based on 4 ratings

2 COMENTÁRIOS

  1. Porque não falam do Woocommerce como plataforma de lojas virtuais? Ele já é mais buscado que o dinossauro do Magento.

  2. Olá Gustavo

    Estamos preparando uma matéria sobre o Woocommerce também, sem desmerecer o Magento, é claro.

    Um grande abraço

    Equipe Guia de E-commerce

DEIXE UMA RESPOSTA