Diferenças sutis num e-commerce B2B

Diferenças sutis num e-commerce B2B

Diferenças sutis num e-commerce B2B que melhoram o processo de compra

Diferenças sutis num e-commerce B2B que melhoram o processo de compra

Diferenças sutis num e-commerce B2B que melhoram o processo de compraExistem benefícios claros quando se usa a mesma forma de navegação de um e-commerce B2C numa plataforma B2B. O benefício mais nítido é a familiaridade com a navegação pelo usuário, já que a mesma pessoa que fará a compra dos insumos da empresa que trabalha costuma também comprar produtos para si mesmo em lojas virtuais.

Com esta ideia em mente, a curva de aprendizado é reduzida e o ambiente utilizado é mais acessível a quem acessa o e-commerce B2B. Mas lembre-se de que um ambiente B2B é algo específico, e existem diferenças sutis que mostram-se indispensáveis para que um e-commerce B2B possa ter a melhor experiência para seus usuários e suas vendas aumentadas.

A forma de navegação numa plataforma B2B continua sendo muito similar a navegação de uma plataforma B2C, mas as diferenças sutis devem estar presentes para que o processo seja benéfico para ambos os negócios do “business to business”. A boa plataforma B2B tem como características as seguintes melhorias:

Apresentação dos produtos

Assim como um e-commerce B2C, um bom e-commerce B2B apresenta e dá destaque aos seus produtos, mas leva em consideração o perfil de quem compra. Se sua plataforma de e-commerce possui a possibilidade de apresentar um catálogo de produtos específico de acordo com o perfil do cliente, é bom utilizar este recurso.

Por exemplo, um e-commerce B2B que revende peças para autos e veículos pesados pode ter suas vendas melhoradas significativamente se ao logar no B2B, o cliente veja peças de automóveis em promoção se este cliente é um comprador de uma locadora de veículos de passeio, assim como um comprador de uma transportadora poderá aproveitar melhor as promoções de peças para caminhões.

Processo de inclusão de itens no pedido

Num e-commerce B2C, o cliente gosta de ver o produto, conhecer um pouco mais lendo detalhes apresentados na tela, vendo várias fotos e comparando produtos similares. Já a pessoa que usa um e-commerce B2B, normalmente conhece bem o produto que irá adquirir, então nem sempre este comprador quer ver uma página detalhada do produto.

A página do produto com detalhes e fotos deve sempre existir numa boa plataforma de e-commerce, mas é preciso que navegar por esta página seja uma opção do comprador, não uma obrigação. Normalmente o comprador conhece tanto o produto, que ele até mesmo busca o produto pelo seu código ao invés do nome.

Então, numa boa plataforma de e-commerce B2B deve haver a possibilidade do comprador incluir um produto através do seu código, assim como também é bem vinda uma visualização dos produtos de um departamento em forma de lista (uma tabela com uma pequena imagem, a descrição do produto e seu preço), e não só como um grande folheto cheio de fotos grandes.

É sempre bom ter as duas opções para que seu cliente possa escolher entre utilizar uma página detalhada do produto, ou usar uma forma rápida de incluir os itens no carrinho. Um bom recurso é também permitir através de forma simples, que o comprador inclua o código do produto e a quantidade desejada e com um clique, os itens sejam adicionados ao carrinho, enquanto o comprador permanece nesta tela. Assim, ele incluirá todos os produtos que deseja comprar de forma rápida e só irá para o carrinho quando for finalizar o processo de compras.

Compra dos mesmos itens com regularidade

Um usuário de um e-commerce B2B pode efetuar com uma frequência mensal uma compra de suprimentos, e esta lista de produtos pode ser bem extensa. As compras não são tão passionais, elas já passaram pela avaliação do comprador e o que ele deseja agora é apenas repetir a mesma compra.

Para isto, uma plataforma B2B completa deve oferecer a possibilidade do usuário repetir a sua última compra com apenas um clique, e até mesmo salvar o pedido que está fazendo atualmente com um nome específico, como “reposição de suprimentos para informática” e outra lista como “produtos de limpeza”; assim ele facilita o processo de compras futuras.

Salvar várias listas de compras e acessar os últimos pedidos e permitir que os mesmos produtos sejam adicionados ao carrinho com um único clique é um requisito importante para um e-commerce B2B.

Detalhes do seu processos e benefícios

Alguns usuários gostam e tem tempo para navegar por toda o seu e-commerce de B2B, seja para conhecer os novos produtos, seja para identificar e comparar as promoções e condições de pagamento que sua plataforma oferece.

A boa plataforma B2B oferece descontos progressivos, várias condições de pagamento, etc. Um e-commerce de qualidade permite que seja apresentada de forma clara todas estas facilidades, promoções, regras de descontos e outros benefícios a seus usuários.

É sempre importante lembrar que embora os compradores de um e-commerce B2B sejam um pouco mais contidos, boas promoções e condições especiais de pagamento farão com que suas compras sejam mais vantajosas e claro, isto aumenta as vendas do e-commerce (ticket médio de maior valor).

Rapidez no processo

Alguns compradores querem acessar seu e-commerce B2B, incluir seus pedidos e finalizar o processo com o máximo de rapidez. Ferramentas que auxiliam a inclusão dos itens sem que para isto o usuário seja direcionado para várias páginas são importantes, assim como outros recursos que permita que o usuário possa efetuar todo o processo de compra de forma rápida e simplificada é requisito de um e-commerce B2B de qualidade.

Portanto, procure obter uma plataforma de e-commerce específica para o universo B2B, pois as diferenças sutis são sempre levadas em consideração. Uma plataforma de B2C não é e nem deve ser confundida como uma forma de iniciar o seu processo de vendas para implementar as regras de um e-commerce B2B.

Existem pontos importantes que são levados em consideração num processo B2B como perfil de cliente, catálogos específicos de produtos, formas de pagamento de acordo com o cliente, fretes e descontos específicos são critérios que não podem ser deixados de lado e somente uma plataforma específica B2B atenderá satisfatoriamente estas necessidades. Assim como uma navegação específica, pensada nos diferentes tipos de compradores que irão acessar seu e-commerce B2B.

Facilidade para o usuário gera maior probabilidade da finalização do processo de compra, e se aumento das vendas é o foco principal de um e-commerce B2B por parte de quem presta o serviço, a facilidade, rapidez e certeza de que o processo de compra foi efetuado com sucesso é o que o usuário do seu e-commerce B2B deseja. Afinal, ele é quem compra, é o seu cliente e ele se beneficiando com um ambiente B2B ideal, quem ganha também é você com mais vendas.

Por Edvin Markstein Zimmermann, analista programador sênior da área de B2B da Vertis

GD Star Rating
loading...
Diferenças sutis num e-commerce B2B, 10.0 out of 10 based on 1 rating

DEIXE UMA RESPOSTA